top of page

Atenção!  Nova recomendação de compra ! Retorno de IPCA+7% sem imposto de renda e com liquidez imediata !

Atualizado: 3 de jun.

Tenho estuado muito nos últimos dias buscando alternativas REALMENTE interessantes de fundos imobiliários (FIIs) para investir.


O meu objetivo com a indicação de hoje é ganhar renda superior a Selic, com custo comedido e isenção de imposto de renda.


A Selic hoje está em 10,5% ao ano, e alguns já dizem que é possível que ela se estabilize aí, sem novas quedas este ano, devido a um repique mais recente da inflação e com as enchentes no Rio Grande do Sul pressionando o índice.


Desta forma, permanecendo a Selic em um patamar elevado, acredito que fundos que investem em crédito fazem até mais sentido que os de tijolos, os quais ganham mais em cenários de queda de juros.


Os fundos que investem em crédito (fundos imobiliários de papel) fazem sentido na minha opinião desde que o ganho líquido estimado de renda seja superior ao de outros títulos de risco semelhante isentos de IR, com o benefício da liquidez.


Lembre-se que títulos de renda fixa como os LCI, LCA, CDBs, CRIs e CRAs em geral não tem liquidez imediata se você quer taxas melhores.


Quando estou falando de fundos imobiliários de papel, que investem principalmente em certificados de recebíveis imobiliários (CRIs), é bom deixar claro não estou buscando por valorização da cota, até porque sobre o ganho de capital em FIIs incide imposto de renda, apenas os proventos são isentos (por enquanto, e uma possível tributação é um dos riscos aqui).


O que eu quero do fundo indicado hoje é uma distribuição alta de rendimento mensal isento, com uma carteira bem pulverizada e diversificada em vários títulos de dívida de risco médio ou baixo e com boa remuneração.


Uma composição como esta faz com que faça sentido, na minha opinião, sair de investimentos mais seguros como CDBs LCI ou LCA, que contam com garantia do fundo garantidor de crédito (FGC), para entrar em fundos imobiliários de CRIs, os quais, sem garantia, podem sofrer inadimplência e ser mais arriscados.


A inadimplência dos títulos em que investe um FII de papel é o maior risco destes fundos. Se algum CRI não paga, e ele tem um percentual alto do fundo, a distribuição de renda cai e a cota consequentemente. Por isso, procuro sempre por FIIs com carteira altamente diversificada.

A principal vantagem que enxergo, de investir em FIIs de papel ao invés de títulos de renda fixa diretamente, é na diversificação e liquidez .


Você pode até conseguir investirem debentures e CRIs ou CRAs no mercado com boas taxas, no entanto não conseguirá muita diversificação na carteira sem que coloque aportes massivos de dinheiro.


Além disso provavelmente não terá liquidez decente para vendê-los até o prazo final.

Assim, investir em fundos imobiliários de papel pode fazer sentido levando em conta estes dois fatores, ou melhor, três: liquidez, diversificação da carteira e, óbvio, taxas mais atrativas.

Nada disso faria sentido sem uma boa e confiável gestora tomando conta deste fundo.


E por isso a escolha da gestora também é fundamental, até porque gerir um fundo de crédito não tem nada de trivial, é necessário muito braço para acompanhar uma carteira grande e diversificada.


Como podem imaginar poucos passam por este filtro: tem que ser um fundo liquido, tem que ter uma carteira grade, diversificada e de qualidade, tem que ser de uma gestora renomada e confiável, tem que ter rentabilidade atrativa frente ao risco adicional...


Juiz, substituição !


Recentemente recomendei a venda do fundo imobiliário RBRR11, após obtermos um bom ganho desde a indicação, por considerar que seu rendimento anualizado de 10,9% já não tinha um bom risco retorno quando comparado ao valor da Selic atual.


Este novo fundo indicado hoje tem um dividendo anualizado de 11,8% e entra como uma luva para substituir o RBRR11 na nossa carteira.


Como sempre a alocação indicada é de 1,5% do portfólio .


Quer ler mais?

Inscreva-se em investe10.com.br para continuar lendo esse post exclusivo.

548 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
RECEBA
O MELHOR
CONTEÚDO DE
INVESTIMENTOS
NO SEU EMAIL

Obrigado(a)!

bottom of page