top of page

MÉLIUZ (CASH3) ENFIM CHEGOU O LUCRO! R$8 MILHÕES ! VEJA AQUI A ANÁLISE DO RESULTADO DO 3T23

Até que enfim, como esperado, a Méliuz atingiu o break-even (em bom português, parou de ter prejuízo, e espera-se comece a ganhar a partir de agora)


A Méliuz teve lucro de R$7,6 milhões no 3T23 ante prejuízo de R$9 milhões no 3T22, isto que ainda não estamos no período mais importante do ano para ela, que é o mês de novembro e o Festival Black Friday do Méliuz.


Em nove meses, a empresa saiu de uma estrutura de custos e despesas de aproximadamente R$ 112 milhões (no 4T22) para R$ 72 milhões no 3T23.


Assim, os custos caíram 29% ante o 3T22, patamar muito superior a queda de 8% da receita, de forma que o Ebitda ajustado já se tornou positivo em R$1,2 milhões no 3T23 ante negativo em R$22,6 milhões no 3T22.


Fonte: MÉLIUZ (CASH3)
Fonte: MÉLIUZ (CASH3)

Lembrando que a empresa vendeu seu braço financeiro Bankly e isso permitiu boa parte do ajusto em custos, ao mesmo tempo que continuará ganhando receitas pela operação na forma de um percentual.


De fato, já podemos ver uma alta de 83% na receita de serviços financeiros no 3T23, qual compreende a conta e cartão em parceria com o banco BV, lembrando que os resultados de Bankly foram expurgados dos resultados consolidados do 3T23.


No consolidado, a receita liquida da Méliuz caiu 8% pela queda nas vendas online (shopping) de 17%, refletindo o varejo mais fraco no Brasil e o foco em otimização de margens, os esforços da empresa estão concentrados na melhora das margens em detrimento do volume de vendas.


O resultado desta estratégia foi o robusto aumento de 25% na margem do Shopping Brasil, que saiu de R$ 18,5 milhões no 3T22 para R$ 23,1 milhões no 3T23.


Em 6/11/23 o Conselho de Administração da Méliuz aprovou pela venda do Bankly a redução de capital no valor de R$ 210 milhões


A Méliuz está com caixa e equivalentes de R$419 milhões, com a venda do Bankly, e mesmo com a distribuição de R$210 milhões aos acionistas permanecerá com caixa robusto.


Lembrando que o valor de mercado da empresa atual é de R$647 milhões e portanto o valor proposto a distribuir para os acionistas é de 34% do seu valor de mercado

Fonte: MÉLIUZ (CASH3)
Fonte: MÉLIUZ (CASH3)

A empresa está engajada em otimizar sua estrutura com novos produtos como Méliuz Prime, com o objetivo de aumentar a recorrência e engajamento dos nossos usuários e gerar receita

recorrente, e o Méliuz Ads, que vem criando novas oportunidades para aumentar a visibilidade e incrementar as vendas dos parceiros.





Envie um whatsapp diretamente para mim clicando no balão no canto direito do site !


Grande abraço


Cristiane Fensterseifer, analista de investimentos CNPI, gestora CGA e consultora de investimentos


09/11/2023

100 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
RECEBA
O MELHOR
CONTEÚDO DE
INVESTIMENTOS
NO SEU EMAIL

Obrigado(a)!

bottom of page