top of page

ALERTA! Nova recomendação de ação com dividendos suculentos, que pode render mais que a Selic!

Neste relatório apresento uma nova recomendação de ação para compor a carteira de dividendos.

A ação recomendada tem retorno em dividendos estimados de 10% nos próximos anos, e múltiplos de negociação abaixo da média histórica e da concorrência, além de ótimo potencial de valorização e perspectivas de crescimento.


Além disso tem forte geração de caixa, baixo endividamento e é líder setorial.


Eis nossa nova INDICADA, QUE ENTRA COM PESO DE 1,5% NO PL DO CLIENTE, NA CARTEIRA DE DIVIDENDOS:


Compre Vivo ! código VIVT3 !!


A Telefônica Brasil é dona da marca Vivo, a maior empresa de telecomunicações do país.


O Grupo Telefónica é um dos maiores conglomerados de telecomunicações do mundo, com presença em 12 países da Europa e América Latina.


Na bolsa, a Vivo tem apenas ações ordinárias, em linha com os mais altos níveis de governança corporativa e integra os principais índices ESG do mercado.,


O negócio da Vivo


A Vivo oferece aos clientes serviços de voz (fixos e móveis), dados móveis, banda larga fixa, ultra banda larga, TV por assinatura, tecnologia da informação e serviços digitais, como serviços financeiros, de nuvem, de entretenimento e segurança.

Fonte: Vivo
Fonte: Vivo

OPORTUNIDADES DE CRESCIMENTO


Expansão acelerada da ultra banda larga de fibra (FTTH)


O Brasil tem baixa penetração de banda larga comparado a outros países, como mostra o gráfico e o crescimento da fibra é velos, com alto apetite do consumidor por melhoria de qualidade de conectividade


Fonte: Vivo
Fonte: Vivo


A Vivo é líder em fibra no Brasil e está expandindo rapidamente.


Na operação fixa a Vivo tem mais de 25 milhões de casas passadas (HPs - homes passe) com tecnologia da fibra óptica até a casa do cliente (FTTH – fiber to the home) em 439 cidades.


Todas as cidades que contam com a tecnologia FTTH possuem TV sobre fibra (IPTV) que permite maior velocidade.


Fonte: Vivo
Fonte: Vivo


Expansão do 5G e massificação de IoT (internet das coisas)


O 5G possibilita velocidades de dados mais altas, reduzindo a latência (demora de resposta) , possibilitando , por exemplo, veículos autônomos.


O inconveniente é a necessidade de mais estações de base (torres de transmissão).


A dominância da Vivo na fibra óptica, alta capilaridade, é extremamente compatível às redes 5G e ela ganha das concorrentes em infraestrutura.


A Vivo é líder no segmento móvel, com 97,6 milhões de linhas em operação, 39% do total de linhas ativas no Brasil.


A empresa cobre 97% da população com rede 4G e 91% da população com a rede 4.5G, mantendo a diferenciação da nossa rede em relação aos principais competidores.


A melhor conectividade na rede móvel e fixa ajuda a empresa a aumentar o Life time value do cliente, ou seja, quanto a empresa ganha com cada cliente com o passar do tempo, melhorando seu nível de serviço.


Fonte: Vivo
Fonte: Vivo


O foco da Vivo está no segmento de Pós-pago, que tem maior ARPU (receita por usuário) menor churn (rotatividade, cancelamentos de clientes)


O 5G ajudará na maior adoção de planos pós-pago com mais serviços e velocidades mais altas!


Fonte: Vivo
Fonte: Vivo


Novas fontes de receitas em serviços digitais


A digitalização segue aumentando a penetração de serviços e bens essenciais no Brasil e a Vivo quer ser um hub da vida digital do cliente.


Alguns exemplos são o crescimento do ensino a distância, serviços financeiros massificados, planos de saúde com atendimentos remotos e crescimento do comércio digital.


A Vido tem iniciativas financeiras como o serviço de empréstimo pessoal Money, que oferece empréstimos 100% digitais com taxas de juros competitivas para clientes do pós-pago e controle


Fonte: Vivo
Fonte: Vivo

Em Educação, a Vivo junto com a Ânima Educação criou uma Joint-Venture 50/50 chamada VIVAe para criar cursos digitais focados em educação continua e empregabilidade.


A VIVAe é um plataforma digital que oferecerá nano-cursos em áreas como ciência de dados, programação, TI, entre outros com Planos a partir de R$39,90/mês


A Vivo está construindo um hub de saúde e bem-estar, oferecendo uma variedade de serviços de saúde.


A empresa lançou o Vivo Controle Saúde, um novo plano Controle a partir de R$77/mês, para impulsionar o crescimento da Vale Saúde


Aquisição da Vale Saúde em março de 2023, por R$60 milhões, aumentou a presença da Vivo com Consulta médica imediata e agendada, Descontos em >27k farmácias pelo Brasil, Pré-avaliação dos sintomas baseada em IA, Atestados, pedidos de exames e prescrições digitais


Por fim, a empresa oferece e-commerce e soluções de casa conectada.


Consolidação do mercado


A empresa deve continuar crescendo com aquisições pontuais que agreguem tanto ao seu negocio principal de telefonia como ao seu universo de serviços oferecidos aos clientes.


,

GESTÃO EFICIENTE e ALTA REMUNERAÇÃO AO ACIONISTA


Com uma base de receitas resilientes, até pela característica de seu setor de atuação, a Vivo tem forte geração de caixa ao longo dos anos, que se mantem alta mesmo com o investimento em ampliação de conectividade .


O endividamento da Vivo é baixíssimo em apenas 0,6 vezes dívida liquida/Ebitda


Fonte: Vivo
Fonte: Vivo

Desta forma, tem distribuído em média 100% do lucro líquido anual aos acionistas na forma de dividendos e juros sob o capital próprio (payout)


Com isso o, Dividend yield médio foi de 7,2% nos últimos 10 anos.

Fonte: Vivo
Fonte: Vivo



Dividendos vão melhorar ainda mais !


Em 15 de fevereiro de 2023 a Vivo solicitou um Consentimento Prévio à ANATEL para reduzir nosso Capital Social em até R$5 bilhões.


Recém aprovada, esta transação pode ser realizada em um ou mais eventos durante os próximos anos, com aumento no pagamento de proventos em cerca de 7% adicionais aos já históricos 7% de proventos médios. ;


Se considerarmos o pagamento de metade este ano e metade ano que vem, estimo um dividend yield de 10% em cada um dos anos, o que supera a Selic estimada para o final de 2024 de 9% e de 2025, de 8,50%


Ação descontada frente ao histórico

,

Apesar da ótima perspectiva de proventos, a vivo negocia atualmente com desconto frente aos múltiplos históricos e concorrentes, apresentando um bom ponto de entrada na empresa


Fonte: Investing
Fonte: Investing

O EV/Ebitda de 4 vezes é menor que 5 vezes dos últimos 10 anos, como mostra o gráfico


Fonte: investe10
Fonte: investe10

A Vivo negocia com desconto frente a Tim , com P/L de 16 vezes estimado para 2023 ante 18 vezes para TIMS3


Fonte: Investing
Fonte: Investing'

O lucro da Vivo está pressionado pela integração da aquisição da Oi , e por isso atualmente apresenta fluxo de caixa maior que o lucro líquido, o que levaria a um P/L normalizado ainda menor.


O lucro o que deve se normalizar com as sinergias e eficiências aplicadas nos próximos trimestres.


Conclusão:


COMPRAR VIVT3 PARA A CARTEIRA DE DIVIDENDOS, COM PESO DE 1,5% NO PATRIMONIO TOTAL


A RECOEMENDAÇÃO BASEIA-SE EM PAGAMENTO DE PROVENTOS DE 10% AO ANO ESTIMADOS E UM UPSIDE PROJETADO DE 16% PARA UM PREÇO ALVO MÉDIO DE R$52 REAIS.


A Vivo (VIVT3) tem forte geração de caixa, baixo endividamento, ótimos dividendos de 10% ao ano estimados para os próximos anos , líder setorial de Telecom em fibra e móvel


Dentre os riscos da tese estão as necessidades de altos investimentos neste segmento , as novas tecnologias , a manutenção das bases e a mudança de comportamento dos consumidores, além dos riscos da economia do Brasil deteriorar-se e/ou o mercado de capitais apesentar uma crise.


Cristiane Fensterseifer – CNPI, CGA e consultora CVM

Instagram : @crisinveste

Twitter : @crisinveste

21/09/2023

642 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
RECEBA
O MELHOR
CONTEÚDO DE
INVESTIMENTOS
NO SEU EMAIL

Obrigado(a)!

bottom of page